quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Fotógrafo Espião!

Fotógrafo mais próximo de Martin Luther King era um espião
A revelação de que Ernest Whiters trabalhava para o FBI chocou os grupos de direitos civis

La Vanguardia

Uma das manifestações pacíficas organizadas por Martin Luther King em Washington, em 28 de agosto de 1963: seu fotógrafo preferido, Ernest Withers, trabalhava como espião para o FBI (AFP PHOTO/FILES)
O fotógrafo Ernest C. Whiters estava lá. Personalidades como Martin Luther King confiaram nele. Whiters é o autor das melhores imagens do líder negro e outros agitadores – e suas circunstâncias –, da vida oficial americana dos anos 60. Suas imagens ilustram melhor que tudo o tempo de luta contra a segregação racial. Foi um dos poucos que visitou o reverendo em seu hotel – apartamento 306 – pouco antes de King ser assassinado...
Fonte: Veja.com

Um comentário:

bfraiha disse...

ehhh os fotografos realmente estao em todas.